Muitas universidades no Brasil já aceitam a nota do Enem como vestibular, o que pode ser uma vantagem e tanto para os jovens que desejam fazer um curso superior.

A cada ano, a prova do exame nacional do ensino médio fica mais difícil, por isso é preciso mais dedicação e empenho para conquistar boas notas. O número de inscritos no Enem chega próximo dos quatro milhões de estudantes a cada ano.

Qual é o mínimo de aprovação para ingressar na universidade com o Enem?

Para ingressar em uma universidade federal, o estudante deve conseguir uma média entre 60% e 75% de aprovação, dependendo do curso escolhido.

O aluno deverá também atingir uma pontuação mínima ou máxima em cada uma das disciplinas cobradas na prova, para assim aumentar as suas chances de tirar boas notas:

– Ciências Humanas: a nota mínima deve ser de 252,6 e a nota máxima deve ser de 793,1;

– Ciências da Natureza: a nota mínima deve ser de 265 e a nota máxima de 867,2;

– Linguagens e Códigos: a nota mínima deve ser de 301,2 e a nota máxima de 795,5;

– Matemática: a nota mínima deve ser de 321,6 e a nota máxima de 953;

– Redação: o aluno poderá zerar a pontuação da redação, ou tirar a nota máxima que é 1.000 pontos.

O método aplicado na correção de provas do Enem baseia-se na Teoria de Resposta ao Item (TRI), permitindo que diversas edições das avaliações sejam comparadas.

Nesse método, são levados em consideração não somente a resposta que o aluno marcou, mas também o nível de dificuldade de cada uma das questões.

Veja: também: Cinco motivos para você fazer a prova do Enem

Data de aplicação das provas do Enem

Esse ano o Enem será aplicado nos dias 03 e 10 de novembro. A taxa de inscrição é de 85 reais. As inscrições da prova para esse ano já foram encerradas, mas nada impede que os estudantes continuem praticando e buscando outras formas de ingressarem na universidade.

Agora é hora de estudar, planejar bem a rotina de estudos diários e não perder tempo. Outras atividades devem ser consideradas, como por exemplo lazer, distrações, descanso e muito mais.

Ao todo, estão inscritos para o Enem 2019 mais de 6 milhões de estudantes. Cerca de 75% deles ainda não pagaram a taxa de inscrição. O prazo para pagamento desse valor expira em maio de 2019.

Apenas 24,1% dos candidatos tiveram o pagamento confirmado até agora. O boleto pode ser pago tanto nas casas lotéricas, agências bancárias e pela internet banking do celular.

Ao todo são 180 questões de múltipla escolha, mais a redação do Enem, que vale 1.000 pontos valiosos.

Dicas para se sair bem no dia da prova do Enem

Nos meses que antecedem a prova, é normal que os estudantes fiquem ansiosos e nervosos. Mas, tanta agitação pode atrapalhar o desempenho na rotina de estudos e também no dia do Enem.

1.Estabelecer uma rotina de estudos: pode parecer bem óbvio, mas a maioria dos estudantes não conseguem organizar bem os estudos e assim comprometem a fixação do conteúdo na mente.

2.Organizar as matérias de estudo: é preciso primeiro estudar as matérias com maior grau de dificuldade, escrevendo os pontos principais e depois relendo esses resumos.

Depois, pode-se passar para as matérias de menor dificuldade, como uma espécie de recompensa.

3.O sono e o lazer são importantes! Tudo em excesso faz mal para nossa vida. Por isso, além de estudar, se empenhar nas matérias, é preciso descansar, dormir bem e reservar momentos de lazer com os amigos e a família.

4.Defina um espaço para estudar: pode ser no quarto, com uma mesa, cadeira e materiais para estudo. Definir um espaço é essencial para a produtividade dos estudos ser maior.

5.Observar os períodos de maior produtividade: existem pessoas que são mais produtivas pela manhã, outras à tarde ou de noite. Conhecer a própria rotina e respeitá-la, será um passo enorme em busca do sucesso na prova do Enem.

6.Alimentação e exercícios físicos: continuar praticando exercícios físicos e cuidar da alimentação, garantirá um corpo e uma mente saudável para qualquer maratona de estudos e provas!

7.Dividir em pequenas partes as matérias maiores: não precisa estudar tudo de uma vez. Se uma matéria é extensa, deve-se dividir o conteúdo em pequenas partes, assimilando-a aos poucos, sendo mais produtivo.

8.Um dia antes da prova: relaxe. Afinal, você estudou, se preparou e seguiu todas as dicas! Agora é hora de respirar fundo, dar uma revisada no material, fazer refeições leves, hidratar-se e dormir bem!

Dúvidas sobre o futuro profissional

Muitos jovens fazem o Enem, sem saberem em qual faculdade ou curso pretendem ingressar. Isso é absolutamente normal. O importante é se empenhar para tirar boas notas e reservá-las para quando estiver escolhido o curso para iniciar.

A sociedade, os professores, os colegas e os pais, muitas vezes cobram muito dos filhos para escolherem logo a profissão que desejam seguirem. Mas essa não é uma escolha fácil de fazer, já que envolve muitas variáveis.

Deve-se considerar a vocação do jovem, o que ele realmente gosta de fazer, onde se imagina estar no futuro, quais as matérias que ele tem maior afinidade e entre outros detalhes importantes.

A maioria dos jovens e estudantes no geral, precisarão de tempo para decidirem o que querem ser no futuro. A cobrança em excesso não os ajudará a pensar sobre o assunto. Pelo contrário, a confusão pode ser ainda maior.

Quanto mais eles se empenharem hoje, estudando, realizando provas de peso como o Enem, mais experiência ganharão para decidir o que eles farão no futuro. Não podemos esquecer que muitos desses estudantes, poderão ser empreendedores de sucesso.

O curso superior é importante para aqueles que já sabem qual profissão seguir. Aqueles que ainda não decidiram, devem respeitar e darem o tempo necessário para se encontrarem como profissionais.

Os jovens modernos possuem todo o conhecimento a seu dispor. Podem pesquisar na internet, estudar pelo celular, tablet, computador ou em grupo com os amigos. Uma grande vantagem que deve ser aproveitada ao máximo!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui