Saiba utilizar os diferentes porquês em provas, concursos e vestibulares! Cada um deles possui um sentido e um significado, dependendo da frase e do contexto.

Seja para escrever uma redação ou interpretar um texto no Enem por exemplo, é importante conhecer cada um deles. Saiba agora como utilizar os diferentes porquês

1-Tipos de porquês

2-Exemplos e aplicações dos porquês: macetes

3-Saiba utilizar os diferentes porquês no Enem

4-Dicas para se dar bem na prova de Língua Portuguesa no Enem!

5- Estudando Português para o Enem!   

Saiba utilizar os diferentes porquês

Tipos de porquês

Por que 

É usado para embutir a palavra razão ou motivo em frases diretas, ou precedidas de ponto final.

Saiba utilizar os diferentes porquês, seja em provas, vestibulares e concursos!

Por que você não foi (qual a razão, motivo)?

Por que você não pagou aquela conta (motivo)?

– Você sabe por que ele age assim (razão).

Porque

É empregado juntamente com uma conjunção que indica causa, motivo, explicação ou justificativa, sobre um determinado acontecimento.

– Eu não fui à festa porque estava doente.

Pode ser utilizado também no final de frases interrogativas: Será que ele ficou chateado comigo porque eu não fui à casa dele? 

Dica: para saber a utilização correta do ´´porque´´ junto, tente substitui-lo pela palavra pois ou uma vez que: se der certo, então o uso estará correto na frase. 

Saiba como utilizar os diferentes porquês em seus estudos! 

Por quê 

Tem a finalidade de reforçar a entonação na frase, vindo antes do ponto final, da interrogação ou da exclamação. Possui o mesmo significado de motivo e razão. 

– Vocês não comeram tudo? Por quê? 

– Andar dez quilômetros, por quê? Vamos de carro mesmo.

Porquê

É utilizado para explicar um motivo ou razão de determinada situação, um substantivo. 

– Qual o porquê de tamanha tristeza (qual o motivo da tristeza)?

Pode ser substituído por: uma vez que, já que, visto que, pois, para que.

Exemplos e aplicações dos porquês: macetes

Saiba utilizar os diferentes porquês, ficando assim mais fácil de compreender e assimilar o conteúdo: confira abaixo!

  • Os porquês 

Por que (pergunta): use sempre que houver perguntas, ou quando a razão e motivo estiverem incluídos, mesmo que não estejam explícitos.

Exemplo: Por que você está triste, Helena?

Por quê (fim de frase ou motivo): use-o sempre em finais de frases, ou para fazer perguntas com mais entonação.  

Exemplo: Estudei muito ontem à noite. Sabe por quê?

Porque (resposta): usado para responder uma explicação ou causa.

Exemplo: Comprei esta bolsa porque era a mais barata.

Porquê (substantivo): É utilizado quando o porquê pode ser substituído por motivo ou razão.

Exemplo: Não sei o porquê de ela ter agido desta maneira.     

Saiba utilizar os diferentes porquês no Enem

As questões de Língua Portuguesa no Enem são abordadas de diversas maneiras, levando o participante a raciocinar sobre a utilização de cada um deles nas frases, textos e até mesmo na redação. 

    • Analisar o significado de cada um dos porquês em uma frase exemplificada na questão, marcando a alternativa onde a utilização deles foi feita corretamente.
    • Verificar em qual a alternativa o uso dos porquês foi feito de forma certa.
    • Questões sobre preencher as lacunas com os diferentes porquês.
    • Analisar as questões sobre o assunto e verificar se as informações são verdadeiras ou falsas.

 

  • Treine e saiba utilizar os diferentes porquês!
  • Na redação do Enem, o cuidado em usar os porquês corretos deve ser ainda maior, pois palavras escritas de forma errada ou sem coerência, significam muitos pontos a menos no total!

Dicas para se dar bem na prova de Língua Portuguesa no Enem!

A Língua Portuguesa possui muitas regras, pronomes, substantivos, porquês e significados complexos a serem analisados. 

Saiba utilizar os diferentes porquês no Enem e aumente as suas notas no exame!

É preciso se concentrar em cada uma das questões da prova, a fim de que elas sejam respondidas corretamente, aumentando a probabilidade de acertos e das notas do exame!  

Confira agora sete dicas para se dar bem na prova de Língua Portuguesa do Enem e saiba utilizar os diferentes porquês

1-Analise os enunciados das questões com calma e atenção: 

Pode parecer óbvio, mas a maioria dos participantes se deixam levar pelo nervosismo e não prestam atenção no que está sendo pedido na questão.

2-Conheça o tipo de prova: 

Seja em concursos, vestibulares e no Enem, é preciso conhecer o perfil das questões apresentadas. Estudar as provas anteriores do exame, fazendo simulados e exercícios é uma boa tática.

3-Estude a gramática tradicional completa

Estudar a gramática completa dará ao participante um conhecimento mais amplo sobre a Língua Portuguesa e as suas regras, fazendo-o assimilar o conteúdo.

4-Estude também os temas recorrentes

Há temas que caem mais vezes no Enem, como o uso da crase, das preposições, dos pronomes, das classes gramaticais e o uso correto dos porquês.

5-Interpretação de texto – Saiba utilizar os diferentes porquês!

Saber interpretar um texto de forma correta, é muito mais que apenas entender o que está escrito. É preciso analisar a mensagem de acordo com a visão do autor.   

6-Manter o hábito de leitura

Quem lê mais, possui maiores chances de se dar bem em qualquer prova! A leitura promove o crescimento e aumento do conhecimento bem como do vocabulário, melhorando a escrita na redação também. 

7-Decorar regras deve caminhar junto da compreensão dos contextos

Sabemos que existem muitas regras de Língua Portuguesa a serem estudadas, por isso decorá-las pode não ser uma boa tática.

É preciso entender o conceito e o contexto por trás de cada uma delas, ficando assim mais fácil de entender o que o texto está pedindo. 

Estudando Português para o Enem! 

Muitas matérias são consideradas chatas e desinteressantes para estudar, principalmente aqueles temas mais complexos, extensos e tediosos, como o Português.

Saiba utilizar os diferentes porquês e saia na frente dos demais participantes do Enem! 

Como driblar essas dificuldades e estudar de maneira eficiente, motivadora e assertiva? É preciso seguir um roteiro de estudos sólido, a fim de não desistir da matéria no meio do caminho!

– Comece estudando a Fonologia (fonemas, acentuação e ortografia): aprenda o som das palavras, bem como as suas funções dentro da comunicação linguística. 

– Morfologia – estrutura e formação das palavras: deve-se estuda-las separadamente e não considerando a participação delas na frase ou no período. 

Dentro da Morfologia existem as classes gramaticais, que são: artigos, adjetivos, numerais, substantivos, pronomes, advérbios, preposições, conjunções, interjeições e verbos.

– Sintaxe – orações, pontuações, regências, concordâncias e crases: é a parte da gramática que estuda a disposição das palavras nas frases e nos discursos, considerando a lógica entre elas.

Revise e saiba utilizar os diferentes porquês

Elementos da sintaxe: 

* Análise sintática;

* Termos essenciais da oração; 

* Termos integrantes e acessórios da oração;

* Período composto;

* Coordenação;

* Subordinação;

* Orações reduzidas;

* Estudo complementar do período composto;

* Sintaxe de concordância;

* Sintaxe de regência;

* Sintaxe de colocação;

* Emprego da crase;

Saiba utilizar os diferentes porquês em todas as matérias da Língua Portuguesa!  

– Semântica – polissemia, denotação e conotação:

Estuda, analisa e interpreta o significado de uma palavra, frase, signo ou expressão, dentro de um ou vários contextos, incluindo as mudanças no espaço geográfico e no tempo.

Elementos da semântica: sinônimo, antônimo, linguagem e polissemia (múltiplos sentidos de uma palavra).

– Estilística: 

Permite que os processos de linguagem sejam manipulados, a fim de gerar conteúdos intuitivos e emotivos através das palavras.

A estilística estabelece também princípios sobre as escolhas particulares dos indivíduos e grupos de nossa sociedade.

Elementos da estilística: figuras de linguagem, vícios de linguagem e funções de linguagem.

Saiba utilizar os diferentes porquês

O Enem está cada dia mais perto, e milhares de participantes em todo o Brasil estão atentos aos estudos. 

Utilize o nosso material sempre que precisar para estudar, se empenhar e assimilar o conteúdo.

Bons estudos e boa prova!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui