O período pré-vestibular é uma época de muito estudo e foco, e por isso diversas pessoas passam a estudar mais e a aprofundar o seu conhecimento sobre várias áreas, principalmente em relação a Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.

Uma das principais matérias que são cobradas no vestibular é a eletroquímica. Esse assunto não é considerado um dos mais fáceis e por isso muitas pessoas têm dúvidas sobre ele. Mas, é válido salientar que a eletroquímica não é um bicho de sete cabeças, pois é possível aprendê-lo.

Para te ajudar a compreender melhor esse assunto, na matéria de hoje fizemos um resumo sobre eletroquímica. Então, vamos acompanhar o post? Confira o artigo e saiba mais acerca dessa área da química! Assim você conseguirá obter a tão sonhada aprovação no Enem.

O que é eletroquímica?

A eletroquímica é um assunto que faz parte da área da físico-química. Esse ramo estuda as reações químicas nas quais ocorrem transferências de elétrons e conversão em energia elétrica, assim como as reações contrárias. 

Esse processo ocorre em pilhas e baterias. Isso porque as pilhas são elementos constituídos por dois eletrodos – com um polo positivo e outro negativo – e um eletrólito. Os seus elétrons são transferidos através de um condutor externo, de modo a formar uma corrente elétrica.  Já as baterias são formadas por uma série de pilhas.

Pilhas e baterias

Nessa situação ocorre a transformação de energia química em energia elétrica. Por isso, são utilizadas as reações de oxirredução para que seja gerada eletricidade. Para isso, na parte interna das pilhas, são colocadas determinados elementos químicos para que ocorra a transferência de elétrons, ou melhor, através do processo químico de oxirredução.

As pilhas são constituídas por dois eletrodos, sendo eles:

  • Ânodo: polo negativo da pilha no qual ocorre a oxidação;
  • Cátodo: polo positivo da pilha no qual ocorre a redução.

As baterias e pilhas também são constituídas de um eletrólito, sendo essa uma solução capaz de conduzir os íons. Dessa forma é formado um fluxo de elétrons que resulta na constituição de corrente elétrica. A mesma pode ser utilizada para ajudar no funcionamento de vários tipos de aparelhos eletrônicos. 

Eletrólise

A eletrólise consiste no processo inverso que ocorre em pilhas e baterias. Isso porque na eletrólise ocorre a transformação de energia química em energia elétrica. A eletrólise é formada quando ocorre a passagem de uma corrente elétrica a partir de um gerador através de um líquido iônico ou por um meio aquoso. 

Normalmente a eletrólise é utilizada para a produção de substâncias consideradas simples, como o sódio metálico e o gás cloro. 

Reações de oxirredução

As reações de oxirredução consistem nas transferências de elétrons entre moléculas, íons e átomos. 

As reações de oxirredução, conhecida como processo de oxidação e redução, também são muito presentes do cotidiano. A formação da ferrugem e a corrosão de objetos, equipamentos e outros bens são exemplos de processos relacionados com as reações de oxirredução. 

No processo de oxirredução, há mudanças na numeração da oxidação, ou melhor, no “nox”. Estes são os dois processos que fazem parte da reação de oxirredução:

  • Oxidação: ocorre o aumento do nox e a perda de elétrons;
  • Redução: ocorre a diminuição do nox e o aumento de elétrons.

Nas reações de oxirredução ocorre o seguinte: ao mesmo tempo em que um elemento perde elétrons, o outro ganha, ocorrendo um processo mútuo de ganhos e perdas. Por isso, é possível afirmar que o número de elétrons ganhos por um corpo é igual ao número de elétrons perdidos pelo outro.

De acordo com o processo de ganhos e perdas de elétrons, é possível obter estas denominações:

  • Agente oxidante: é o elemento que sofre oxidação, aumenta o número de nox, provoca o processo de redução e perde elétrons;
  • Agente redutor: é o elemento que sofre redução, diminui o número de nox, provoca o processo de oxidação e recebe elétrons.

A numeração da oxidação equivale a carga elétrica de um elemento químico, no momento em que esse participa de uma ligação química. Esse processo de relaciona com a eletronegatividade.  

Aplicações da eletrólise no cotidiano

É possível perceber o processo de eletrólise em diversas ocorrências do nosso dia a dia. Por isso esse assunto pode ser bastante aplicável ao cotidiano. Por esse e outros motivos, esse assunto é bastante cobrado no Enem.

Estes são alguns exemplos de eletrólise que ocorrem durante o nosso cotidiano:

  • Diversos processos que ocorrem na indústria química;
  • Revestimento de peças de aço e ferro;
  • Processo de produção de diversos tipos de aparelhos e equipamentos eletrônicos;
  • Diferentes reações do corpo humano;
  • Processo de carregamento de baterias.

Então, percebeu como o processo de eletrólise pode ser bastante aplicado ao nosso cotidiano? Portanto, ao estudar essa matéria, procure sempre relacioná-la com os aspectos do nosso dia a dia, pois dessa forma será muito mais fácil compreendê-la.

Eletroquímica no Enem

O assunto de eletroquímica costuma ser bastante cobrado no Enem, e por isso você precisa entender esse assunto de forma aprofundada. O ideal é que você leia o resumo quantas vezes for preciso, pois dessa forma o assunto ficará gravado na sua mente, e assim você irá lembrá-lo durante a prova do vestibular.

Além dessa matéria, existem outros posts sobre química neste site. É importante que você leia todos, pois separamos os assuntos de química que mais caem no Enem para fazer resumos para o vestibular.

Assim, você saberá de forma profunda as principais matérias de química que cairão no Enem e facilmente tirará uma excelente nota. Então, sigas as nossas dicas, e leia os nossos resumos, pois consequentemente você obterá a aprovação! 

E aí, gostou do nosso post de hoje? Para acompanhar mais informações sobre o Enem, continue acessando o nosso site. Assim você ficará por dentro de tudo que envolve o vestibular. Com o tempo, será possível ficar craque e obter excelentes resultados. Depois é só curtir a aprovação e se tornar o profissional que sempre sonhou. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui